Escolha uma Página

A PAIXÃO QUE “TRAGO” DENTRO..

É uma coisa louca,
a roupa vira cinzas quando ele me beija na boca.

Quando está perto me sufoca,
mas quando está longe,
o trago de volta.

Meu corpo,
meu corpo sempre quer um pouco mais,
mas depois de tantos poucos,
meu corpo pede paz.

É ali que o amor vai embora,
E a paixão nos abandona.

Enquanto isso, você chora esperando uma carícia,
uma carícia destas mãos agora frias,
mãos que foram levando inspiração
e agora volta com cheiro de traição.

Eu sei,
eu sei que não adianta falar nada,
que chego cansada, que não quero nada
pois a poesia toda,
pelo vício foi arrasada…

Junte-se a minha lista de assinantes

receba conteúdo exclusivo

You have Successfully Subscribed!

Insira seu e-mail e seja um dos primeiros a saber sobre os próximos cursos.

You have Successfully Subscribed!

Insira seu e-mail e seja um dos primeiros a saber sobre o próximo INQUIETOS MEDITAM

You have Successfully Subscribed!

Pin It on Pinterest

Share This